sexta-feira, 14 de setembro de 2012

ERA UMA VEZ Era uma vez um sonho... Um sonho de manter a alma e o coração em chamas... Um sonho de encontrar uma alma semelhante a minha... Era uma vez um sonho.... Um sonho de encontrar um olhar como o meu... Um olhar capaz de penetrar a retina e invadir a alma... Era uma vez um sonho... Um sonho de encontrar o verdadeiro AMOR... Um AMOR de beleza aprimorada... Singular... Rico... Sem limitações para a felicidade... Um AMOR mágico... Um AMOR que concretizasse histórias encantadas... Um AMOR capaz de romper a barreira da insegurança... Um AMOR que salientasse emoções vibrantes... Um AMOR capaz de mostrar a genialidade dos sentimentos nobres... Era uma vez um sonho... Um sonho de ter um AMOR... Que transcendesse a vida e alcançasse a eternidade... Era uma vez um sonho... Era uma vez o meu sonho. (Leila Chrystina Bayer)

5 comentários:


  1. Olá , passei pela net encontrei o seu blog e o achei muito bom, li algumas coisas folhe-ei algumas postagens, gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns, e espero que continue se esforçando para sempre fazer o seu melhor, quando encontro bons blogs sempre fico mais um pouco meu nome é: António Batalha. Como sou um homem de Deus deixo-lhe a minha bênção. E que haja muita felicidade e saude em sua vida e em toda a sua casa.
    PS. Se desejar seguir o meu humilde blog, Peregrino E Servo, fique á vontade, eu vou retribuir.

    ResponderExcluir
  2. Humm... adorei esse texto, Leila. E que bom que voltou ao blog. Amei esse sonho, que não "era uma vez", ainda está dentro de você, ainda é possível. Beijos, amiga.

    ResponderExcluir
  3. Leila, que lindo sonho, e que ele se torne realidade!

    abço fraterno!

    ResponderExcluir
  4. Lindíssimo sonho! É sempre um encantamento visitar você.
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá, querida
    Os sentimentos nobres dão à nossa vida um tom de serenidade infinita...
    Seja abençoada e feliz!!!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir